in

AmeiAmei

Cão Terapeuta: Saiba Como É Ter Um

Confira a entrevista e saiba mais sobre o que é cão terapeuta.

Olá, aumigos, tudo bem? Nós somos Prince e Maya, os @ursinhoschowchow lá do Instagram e da @matilhabrasil. Hoje nosso post é uma entrevista com a tia Marisa, mamãe do @googlethegolden para falarmos de Cão Terapeuta! Aucê sabe o que é? Bom, nesse post vamos cãotar tudico para aucês como é o trabalho de cão terapeuta, como foi a experiência do Google e da Tia Marisa durante 6 anos de voluntariado e como ser um cão terapeuta também!

Cão Terapeuta: Saiba Como É Ter Um

URSINHOS: Tia Marisa, por que o Google se tornou um cão terapeuta?

TIA MARISA: O Meu primeiro golden tinha 12 anos quando eu ouvi falar sobre cães terapeutas, isso há 20 anos atrás, e ele já não podia. E era o meu sonho, quando eu escutei essa entrevista na TV, era meu sonho que ele fosse. Como não consegui pela idade dele, já ficou na minha cabeça: meu próximo cachorro vai ter que chegar e já treinar para ser um cão terapeuta.

URSINHOS: E tia, o que é um cão co terapeuta?

TIA MARISA: “O Cão coterapeuta leva felicidade para as pessoas necessitadas, como hospitais e asilos. Então ele é preparado para que possa levar essa harmonia de felicidade para as pessoas que estão internadas e que moram em asilos. E o cão terapeuta ajudam a liberar o hormônio da felicidade no paciente e com isso eles podem sarar mais rápido nos hospitais e os idosos no asilo podem ficar feliz com o contato com esses animais.

Ele atua com as terapias do hospital, né? Então existe um psicólogo que seria o terapeuta que acompanha a terapia e o cão é o co, o ajudante do terapeuta.

@googlethegolden

URSINHOS: O que é preciso para ser um cão terapeuta, tia Marisa?

TIA MARISA: “Eles precisam ser dóceis em primeiro lugar e não podem ser cães assustados. Eles precisam ter uma dessensibilidade ao toque para não se assustar se uma criança puxa um pêlo ou se um idoso tiver uma mão mais pesada, não tem tanto controle como as outras pessoas, né? Eles já ficam mais descontrolados e pode ser que esse idoso vá com mais força para dar um carinho e o cachorro precisa estar preparado para isso.

E ele também que estar acostumado para não estranhar ambientes, então ele precisa ser treinado desde pequeno a frequentar vários tipos de ambientes, com vários tipos de solo, para não escorregar em ambientes muito lisos, como em hospitais que são bem escorregadios por conta da higiene. Então desde que eles são pequenininhos a gente costuma a fazê-los irem em vários locais como shoppings e hotéis para que eles não estranhem ambiente nenhum.

Além de pessoas, a socialização com pessoas é muito importante. Um cão terapeuta precisa ser agradável com todo tipo de pessoa, ele tem que gostar de pessoas isso é fundamental!”

@googlethegolden

URSINHOS: É difícil passar na prova para ser cães terapeutas?

TIA MARISA:Tem um teste, né? Então não é fácil, tem que fazer um teste de 3 fases e a a maioria reprova, não são todos que vão a frente.

URSINHOS: É como é feito esse teste, tia?

TIA MARISA:É feito por um grupo de comportamentalistas que fica 1 hora com os cães fazendo os testes supondo: eles derrubam uma cadeira no chão e aquela cadeira vai fazer barulho e o cachorro não pode assustar, pra ele tem que ser normal pra ele aquela cadeira cair. Eles fazem os cachorros ficarem perto de cadeiras de rodas, tem aqueles carrinhos de hospital que passam e fazem barulho, então eles repetem aquele barulho, para o cão ter nenhuma reação de susto e ficar eufórico. Isso porque eles vão viver essas situações, quem trabalha em hospital vê e ouve muitos barulhos diferentes e coisas que eles nunca viram na vida, aqueles aparelhos e carrinhos que passam com comida inclusive o cão não pode atacar a comida, então é complicado para eles.

>>> A nossa mamãe, junto com os aumigos do Sobre Cães, também gravaram um podcast com a tia Marisa que aucê pode ouvir aqui:



Listen to “Cão terapeuta – Cachorros que ajudam pessoas – Sobre cães 03” on Spreaker.

URSINHOS: Conta um momento marcante ou divertido dos 6 anos de trabalho com o Google pra gente, tia Marisa?

TIA MARISA:Humm, situação engraçada com o Google? Teve uma situação engraçada que até hoje eu riu quando lembro. Um paciente, um senhor idoso que tinha traqueostomia, que faz aquele buraquinho no pescoço e geralmente eles colocam uma tampinha nesse buraquinho. E o senhor estava com muita tosse então ele tossia muito e o Google estava do lado dele e ele acariciando o Google quando deu um acesso de tosse nesse idoso e nessa hora a tampinha voou longe. E o Google achou o máximo aquilo e correu para pegar e mastigar a tampinha da traqueostomia! Nossa, foi terrível assim, porque a gente queria não deixar ele pegar a tampinha e ao mesmo tempo foi constrangedor, porque estavam os enfermeiros e o senhor lá que ficou sem a tampinha, porque ele mastigou a tampinha toda e eu tive que tirar a tal tampinha de dentro da guela dele.

Depois desse episódio teve mais uma fase no treinamento que é para eles não pegarem nada do que estivesse no chão. Então a gente fez um treino mais ou menos 6 meses para corrigir e todos os dias antes da visita ao hospital tinha o treino do Deixa.

@googlethegolden

URSINHOS: Como é o trabalho do cão terapeuta?

TIA MARISA:A maioria das terapias são numa sala que chama brinquedoteca que tem nos hospitais e ficam vários cães nesse ambiente com crianças brincando. As crianças que estão melhores e que podem sair do quarto. Quando a criança não pode sair do quarto, um dos cães vai até o quarto e fica com essa criança lá no quarto, então é um cão por quarto para interagir com a criança.

A visita leva em torno de 50 minutos na brinquedoteca, enquanto na UTI cerca de 10 minutos.”

@googlethegolden

URSINHOS: Como é o controle da saúde dele? É caro manter um cão terapeuta?

TIA MARISA:Sim, existem vários controles, fora o banho, pois eles precisam tomar banho um dia antes de cada visita para ficar bem limpos, macios e cheirosos, e eles não podem tomar banho no dia, porque o banho estressa um pouco, e eles precisam ir com a energia boa sem estresse para o hospital, então eles aconselham o banho uma noite antes.

Sobre a saúde, antes de o cão terapeuta ingressar, ele tem que passar por uma avaliação médica, no veterinário da própria ONG, onde ele faz um check up para ver se ele está perfeitamente saudável. Depois disso, temos que fazer exames de fezes de 3 em 3 meses para ver se ele tem algum parasita, não pode ter nenhum tipo de vermes para entrar no hospital e a gente tem que ficar bem atento, porque é protocolo do hospital.

Além das vacinas tradicionais, as básicas, eles têm que ter algumas vacinas a mais para poder entrar no hospital. As básicas são de raiva e V10 e eles ainda precisam tomar a de gripe e a de giardia. E por fim, a coleira ou pílulas contra pulgas e carrapatos, e isso tem que ser muito bem controlado. Então, a gente precisa pagar o treinamento para a escola de comportamentalistas especializada em formar cães terapeutas indicada pela ONG e arcar com todos esses custos do seu cachorro.

@googlethegolden

E então, quem gostou da entrevista com a tia Marisa?

No Podcast tem muito mais detalhes dessa entrevista linda com a tia Marisa, inclusive dicas para quem quer ter um cão terapeuta! Vale a pena ouvir ali em cima, tá legal pra cachorro!

E quem tiver mais dúvidas ou quiser fazer outra pergunta, o Instagram da tia Marisa é @googlethegolden, ok? E aucês podem comentar aqui no Blog o que acharam e se alguém já teve alguma experiência com cão terapeuta para a gente cãoversar, ok?

Lambidas de aumor para aucês, do Prince da Maya, os @ursinhoschowchow!

O que você achou??

0 points
Upvote Downvote
Matilha Brasil

Escrito por Matilha Brasil

Olá, nós somos a Matilha Brasil!
Um grupo de dogs do Instagram unidos em torno de um calendário de ações diferentonas e dispostos a surpreender os seguidores e mudar a cara das ações no Mercado Pet! E como a Petiko é uma marca aumiga e aberta às novidades, aqui no Blog vamos postar dicas pet legais pra Cachorro! Visite nosso Instagram para saber mais sobre nossa Matilha!

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comentários

0 comments

É Uma Ciumera… Entre Doguinhos

Passarinho Não é Pet