in

AmeiAmei InteressanteInteressante

Qual melhor água para seu pet: filtrada, mineral, coco ou da torneira?

Se preocupar sobre qual a melhor água para seu pet é um cuidado muito importante que todo tutor deve ter que, às vezes, para despercebido.

Cada vez mais os pets são como um membro da família por isso, aumenta a nossa preocupação quanto ao seu bem estar. Os tutores estão mais atentos sobre as melhores opções de alimentação saudável, ração e petiscos que oferecem benefícios a saúde do pet, novos produtos de higiene etc. E preocupar-se sobre a água que seu pet está bebendo também é importante afinal, ele tem que estar sempre bem hidratado e com saúde.

É sempre reforçado que água deve ser trocada várias vezes ao dia e estar em um lugar fresco. Mas já se perguntou qual a melhor água para o seu pet? São muitas opções: aquela da torneira, a mineral, filtrada e de coco. Faremos alguns esclarecimentos sobre água para pets, desidratação, tipos de bebedouro e outras informações importantes como se água do mar ou da piscina podem fazer mal ao pet, caso ele beba.

 

Água da torneira, mineral ou filtrada?

 

Com a água da torneira lavamos louça, a garagem, regamos o jardim… ela passa diversos processos até chegar a nossa casa, tem um tratamento intenso e  grande controle de qualidade. Se a água da toneira for tratada de maneira correta e estar sem cheiro, sem sabor e sem cor os pets podem fazer consumo sem preocupações, fique sempre atento a qualidade da água.  

A água da torneira não é recomendada, principalmente, quando não conhecemos o lugar (parques, sítios, fazendas etc), porque durante o percurso da água, ela pode sofrer contaminações, conter sedimentos físicos, desde as unidades de tratamento, tubulações até mesmo na caixa d’água.

Mesmo com tratamento alguns protozoários, bactérias, fungos podem permanecer vivos e causar doenças, por exemplo, Giardíase que afeta tanto pets quanto humanos. Causa diarreias, dificultar absorção de nutrientes, causar cólicas e emagrecimento crônico.  Os parasitas são encontrados em: lagos, lagoas, rios e córregos, no abastecimento de água, poços, cisternas, piscinas, parques.

Quanto a água filtrada pode ser oferecida ao pet, pois ela passa por um processo de filtragem para retirar os excessos de algumas substâncias presentes na água de torneira, filtra bactérias e protozoários, garantindo melhor qualidade. Fique atento quanto a sua certificação que deve ser um filtro qualificado com o selo do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia).

Importante dizer que tanto água da torneira quanto a filtrada, a caixa d’água deve estar sempre limpa corretamente desse modo, ter menos problemas em relação à contaminação como falamos acima. Caso more em apartamento, você não tem total controle sobre a limpeza da caixa d’água, mas pode conversar com o síndico ou oferecer ao pet água mineral (já vamos falamos sobre ela).

Quanto a água mineral pode ser oferecida ao pet, porém deve-se dar maior atenção ao seu modo de armazenamento, por exemplo, ela não deve ficar no Sol e em lugares abafados, longe de produtos químicos. Tome cuidado também com água que são de fontes artificiais, pois pode trazer contaminação, especialmente, quando armazenada em garrafas plásticas.

 

Água de coco é saudável para o pet?

 

igor.dog

 

Sabemos que a água de coco para faz muito bem para nós, humanos, certo? Afinal, é uma das melhores maneiras para se refrescar em dias quentes, repor os sais minerais perdidos em um exercício físico e o melhor: tem poucas calorias, quase zero de gordura e colesterol. Pode ser consumida em todas as idades, uma boa opção para curar ressaca, melhora digestão, limpa a pele etc. São muitos os benefícios da água de coco para nós, mas para os nossos pets? Podemos dar água de coco para nosso cachorro e/ou gato?

A água de coco é, também, um hidratante para o pet, além de ser uma fonte rica em potássio o que pode ajudá-lo no processo do aparelho digestivo e urinário.

Importante: a água de coco não deve substituir a água natural e nem deve ser dada com muita frequência, uma dica é oferecer em dias bem quentes em forma líquida ou em cubinhos congelados.

Não ofereça: sucos artificiais, refrigerantes, água com gás ou outro tipo de bebida industrializada para seu pet, pois alguns ingredientes podem fazer mal a ele, por exemplo, o excesso de açúcar e corantes. Opte por produtos próprios para pet, o mercado oferece muitas opções como cerveja e vinho especiais para nossos amigos de quatro patas.

 

Seu pet bebeu água do mar ou água da piscina?

 

Beber água do mar em grandes quantidades pode causar no pet: desidratação, vômitos, irritar o trato intestinal etc. Quando estiver na praia, deixe sempre água fresca ao alcance dele assim, ele não irá buscar a água do mar para acabar com sua sede. Também há estudos sobre os benefícios da água do mar, especialistas têm o objetivo de analisar tratamentos em que a ingestão controlada de água marinha faz bem para saúde, mas atenção, nunca dê por conta própria água do mar para o pet como automedicação.

E também não deixe o pet beber muito e nem com frequência a água da piscina, pois contém muito cloro que pode causar:  dores abdominais, fraqueza, vômitos entre outros.

 

Photo by Ryan Christodoulou on Unsplash

 

Desidratação

 

Além de oferecer uma boa água para seu pet, mas será que ele está bebendo? Você deve ficar atentos aos sinais de um pet desidratado.

Sinais de um pet desidratado:

– Gengiva seca

– Falta de elasticidade na pele: se ao puxar levemente a parte de trás do pescoço do pet, voltar devagar, ele está desidratado

– Apatia

– Perda de peso

– Respiração ofegante

Há também casos de que o pet pode ficar como hiper hidratação, isto é, quando ele bebe muita água. Os sintomas mais comuns em cachorros são: vômitos, diarreia, confusão e sonolência. Já os gatos fazem xixi em excesso, fica desanimado e mal-humorado. Em ambos os casos (desidratação ou hiper hidratação) é importante uma visita ao veterinário para saber o melhor tratamento.

 

Artigo relacionado: O que você precisa saber sobre desidratação em cachorros

 

Saiba a quantidade de água essencial para cada pet

 

Sabemos que o mais recomendado para nós é beber aproximadamente 2 litros de água por dia. Quem pratica atividade físicas devem beber mais ainda. Mas qual a quantidade certa de água para nosso pet? No tópico acima falamos de desidratação então, vamos falar agora a quantidade média que um pet precisa consumir. No caso deles, é recomendado que a cada 1 kg do pet, ele precisa beber, em média 50 a 60 ml de água por dia

 

 

Tudo que você precisa saber sobre bebedouro para pet

 

Agora que você sabe como deixar seu pet hidratado, separamos algumas dicas sobre tipos de bebedouro, como higienizar da maneira correta entre outros pontos importantes.

Com essa leitura queremos destacar a importância de deixar seu pet sempre bem hidratado por isso, deixe água fresca sempre à disposição do seu pet, de preferência em um lugar seco e com sombra. A água deve estar sempre limpa então, troque pelo menos duas ou três vezes ao dia, mesmo que ele não tenha bebido. Em dias mais quentes, pode até colocar alguns cubinhos de gelo.

O maior cuidado com o bebedouro é em relação a sua higienização. A melhor maneira de limpar o bebedouro é com detergente neutro e água, enxague bem para sair todo sabão. Outro ponto de atenção deve ser sobre a presença de pombos, pois podem transmitir doenças. Nesse caso, o ideal é trocar de lugar o recipiente do pet.

Nunca esqueça de levar água para seu pet quando forem passear ou caminhar, pequenas pausas para água são essenciais. Para esse momentos existem bebedouro portátil de diferentes modelos como:

Garrafinha

É super prático e fácil de carregar.

Lancheira

 

Como tem dois compartimentos além da possibilidade de levar água é possível, também, colocar petiscos. A Lancheira Família de Estimação é um item premiado e assinado pela design Liane Kreitchmann. E como nós da Petiko amamos novidades do mundo pet, já enviamos para os assinantes do BOX.Petiko essa lancheira IN-CRÍ-VEL. E todos os meses enviamos brinquedos, pelúcias e petiscos para os pets. 

 

@monstrobandeira

 

Além dos bebedouros próprios para passeios, há os tradicionais que podem variar de material como plástico e aço inox. Quanto aos modelos você vai encontrar diversas opções e um deles será o mais adequado para o seu pet como: bico de bebedouro, fonte bebedouro, para pelo longos, automáticos.

Com tudo isso, podemos dizer que a água perfeita para seu pet é aquela que segue corretamente o modo retirar as impurezas e de armazenamento. Quanto a água de coco deve ser dada com moderação e tomar cuidado com a água do mar e de piscina.

 

artigo-desktop-2

O que você achou??

2 points
Upvote Downvote
Equipe Petiko

Escrito por Equipe Petiko

Para pessoas que amam seu pet. Feito por pessoas que amam os seus.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comentários

0 comments

Dorminhocos: qual a melhor foto de cachorro dormindo?

Como lembrar do seu pet de maneira criativa